7 sinais que você trata o seu companheiro como a mãe dele

7 sinais que você trata o seu companheiro como a mãe dele

Compartilhar

Quer seja pela imaturidade de muitos homens, ou pelo instinto materno e até um tanto controlador de muitas mulheres, é comum que elas acabem se sentindo as “mães” na relação com os seus companheiros.

Apesar de nascerem do instinto genuíno de cuidado, de mimar o parceiro para que o relacionamento de certo, esse tipo de atitude acaba tendo, a longo prazo, um efeito reverso. Se você já ouviu, ou falar esse tipo de frase “Não sei o que você seria sem mim” ou “não se preocupe, deixa que eu faço”, está na hora de rever a sua posição nesse relacionamento.

Como perceber que você virou a mãe dele

A vontade de proteger a família e o parceiro faz parte do instinto materno, inerente a maioria das mulheres. Entretanto, há uma linha tênue entre o cuidado genuíno, que faz bem para qualquer relação, com o excesso de controle, de reclamações e de mimos, típicos de uma mãe.

Aceitar tudo que ele faz 

O comportamento de aceitar tudo que o seu parceiro desejar, muitas vezes parte do desejo de agradar, de fazer com que ele se sinta bem e feliz. O problema é quando você tenta justificar para si mesma atitudes negativas que ele tenha.

Deixe ele se virar sozinho

Por mais que um relacionamento seja uma grande parceria, não seja a secretaria dele. Deixe ele se virar um pouco só, deixe ele assumir as responsabilidades e tarefas da própria vida. Nada de virar a agenda ambulante, lembrando ele de todos os compromissos.

 Reclamar de todos os erros dele

Claro que sempre queremos que o parceiro se adeque a nós e que ele não cometa erros, ou evite-os. Mesmo assim, reclamar sempre dele, dizer que tudo que ele faz é errado é extremamente maléfico para o relacionamento. Com esse tipo de atitude, autoestima dele vai estar comprometida, e ele vai sempre achar que você está julgando toas as atitudes dele.

Você sempre dá conselhos

Obviamente, você quer o melhor para ele. No entanto, se ele não pediu sua opinião, não a ofereça, a menos que seja absolutamente necessário. Na verdade, quem gosta de receber “um humilde conselho” sem ter solicitado?

Não questione todas as decisões dele

Muitas vezes, ao nosso ver, a decisão do outro está errada, ou poderia ser feita de outra maneira. Por isso acabamos questionando as decisões de nosso parceiro, desde as pequenas coisas. Entretanto, é preciso deixar ele agir só, assumir as responsabilidades da vida e tomar as decisões que ele achar necessárias. Deixe que o instinto dele prevaleça.

Saiba ouvir, mas respeite o silencio

Diferente das mulheres, homens tem uma dificuldade muito maior de se abrir, de revelar os seus problemas e compartilhar as dificuldades. Entretanto, muitas vezes eles são se abrem com as companheiras, por medo de serem julgados, de fracassar. Por isso, entenda se ele prefere se abrir com o amigo do que com você. É apenas a maneira dele de lidar com um problema ou um momento difícil.

Ele está sempre em primeiro plano

Tenha sempre em mente que você deve estar sempre no primeiro plano. Ou seja, não vale a pena abrir mão da sua vida, dos seus gostos, da sua individualidade por um relacionamento. Não tente agradar o outro e esquecer de você mesma.