O mau uso do cotonete leva bebes aos hospitais todos os dias

O mau uso do cotonete leva bebes aos hospitais todos os dias

Compartilhar

A chegada do bebe é sempre um momento de bastante felicidade e apreensão para as famílias. Se forem pais de primeira viagem, as dúvidas são muitas e vem sempre acompanhando de um receio de fazer a coisa errada e acabar prejudicando a saúde do bebe.

Um desses assuntos bastante polêmicos e que geram muitas dúvidas nos pais é quanto a higiene do bebe. As receitas e dicas de outras mães são muitas. Algumas dizem que pode dar banho no bebe todo dia, enquanto outras dizem não ser saudável, ou então que a nova mamãe deve usar um produto especifico ao invés daquele. Em resumo, os palpites sempre irão existir, o que acaba deixando os pais mais apreensivos ainda.

O ideal é sempre consultar o seu pediatra para saber a melhor maneira de cuidar da higiene do seu bebe. O brasileiro tem uma noção de higiene muito forte enraizada na cultura. Por isso, sempre achamos que quanto melhor limpeza, melhor. Entretanto, essa máxima pode acabar se mostrando exagerada e até danosa. A higiene dos ouvidos do bebe deve ser feita, mas de maneira delicada. Muitos pais, achando que é necessária uma limpeza pesada, acabam exagerando no uso do cotonete.

 Estudo relaciona cotonetes a lesões no ouvido

Um estudo conduzido pelo Nationwide Children’s Hospital e posteriormente publicado no renomado Journal of Pediatrics aponta que, uma das principais causas que levam crianças ao pronto socorro todo o dia é o excesso de limpeza dos ouvidos com o uso do cotonete. O estudo foi realizado nos Estados unidos, e se estima que aproximadamente 34 crianças vão aos hospitais todo dia, apenas por uso incorreto dessa ferramenta de limpeza.

Entre as principais queixas das crianças, relacionadas ao uso indiscriminado do cotonete está o bloqueio da audição, otite, inflamação no ouvido e sangramento da região. Os médicos apontam que algo como 70% dessas lesões ocorrem no momento da limpeza dos ouvidos, com o cotonete. Outros casos podem ser explicados por crianças que tenham fácil acesso aos cotonetes e acabam limpando sozinhas o ouvido.

Porque o cotonete faz mal?

Para explicar melhor como esse pequeno objeto, feito de hastes flexíveis de plástico (ou bambu), com pontas de algodão pode trazer tantos riscos para a saúde auricular, consultados a Dra. Dra. Tânia Maria Sih, presidente do Departamento Científico de Otorrinolaringologia da Sociedade Brasileira de Pediatria

“Usar o cotonete para limpar o ouvido pode empurrar a cera para o fundo do conduto auditivo e perfurar o tímpano”, afirma Dra. Tania.

Como limpar o ouvido sem o cotonete

As descobertas da pesquisa realizada nos Estados Unidos retiraram o mito da necessidade de limpeza constante dos ouvidos de bebes e crianças muito pequenas.

“Os ouvidos nunca devem ser higienizados, precisamos deixar a natureza agir sozinha. A cera é uma proteção, e só deve ser retirada por um médico, quando houver necessidade e através de instrumentos adequados”, reafirma a Dra. Tânia.

Já a orelha dos bebes deve sim ser higienizada, mas sem o uso do cotonete. A Dra. Tania instrui a usar uma toalhinha úmida, apenas na região externa dos ouvidos. O cotonete deve ser restrito para limpeza de umbigo e nariz.