O que a sua língua pode dizer sobre sua saúde

O que a sua língua pode dizer sobre sua saúde

Compartilhar

Além de ser essencial para a fala, comida, digestão, identificar sabores, a língua pode ser um ótimo indicativo de como está a sua saúde. De maneira geral, o aspecto físico e visual de sua língua pode mostrar uma série de fatores que podem estar presentes aqui – alguns dos quais podem estar presentes com mais frequência do que outros.

Estas podem ir desde alterações na textura, manchas, cor diferente ou até a presença de feridas. Todos estes pequenos sinais estão apontando para problemas de saúde ou deficiências alimentares que muitas vezes não sabemos e não percebemos. Então, fique atento ao aspecto geral da sua língua para saber se a sua saúde está em dia ou não.

Mudança de textura

Língua muito macia: A língua deve ter uma maciez moderada. Caso a sua língua esteja mais macia que o normal, geralmente é um sinal de glossite, uma inflamação e que suas papilas gustativas podem estar se deteriorando.

Ela é causada principalmente por deficiência de nutrientes como ferro e vitaminas B. Se esta é o seu caso, reveja a sua dieta para incluir estes nutrientes ou suplemente-os.

Manchas e Úlceras

Aftas: Ao contrário do que muitas pessoas acham, as aftas não são feridas externas. Elas são minúsculas úlceras rasas, que podem aparecer na boca e na parte de baixo da língua. Elas são extremamente desconfortáveis e tornam o comer ou até o falar difícil e dolorido.

Algumas pesquisas sugerem que o estresse pode ser uma causa das aftas. Outro fator é a acidez do sangue, por isso é essencial alcalinizar e equilibrar o pH do sangue através da alimentação alcalina para evitar o aparecimento das temíveis aftas.

Sapinhos: Os sapinhos são sinais de alguma pequena infecção, candidíase ou alguma reação alergia a alimentos ou fatores ambientais. É muito importante investigar a causa desse sintoma, pois ele pode ser o sinal de que algo bem grave está ocorrendo no seu organismo.

Língua morango: Esse fenômeno na língua pode acontecer em duas fases diferentes. O seu início é através de inchaço na língua e na cobertura que reveste a língua, que fica branca. Em crianças, é indicativo de escarlatina em estágio inicial.

Após 4-5 dias dessa primeira fase de inchaço, a língua incha mais ainda, apresentando uma cor vermelho intenso. Esta tonalidade pode ser um indicativo de doença de Kawasaki, uma doença imune que afeta principalmente crianças, inflamando os vasos sanguíneos por todo o corpo. É importante frisar que um diagnóstico completo e correto somente poderá ser feito por um médico.

Mudança de cor

A cor da língua é o melhor e mais facilmente identificação sinal de problemas relacionados a saúde. Cada cor, em geral, indica uma doença especifica.

Branco: Uma língua muito branca, ou de tonalidade vermelho desbotada geralmente indica desidratação, ou ainda que há detritos ou restos de alimento presos entre a papilar. Uma boa escovação e atenção a sua saúde bucal pode aliviar este problema.

Preto: Língua preta é o resultado de bactérias e detritos que se acumulam na superfície da língua. Pode ser causado pelo abuso de tabaco e produtos químicos (por exemplo enxaguantes e antibióticos). Mais uma vez, essa tonalidade diferenciada pode ser facilmente eliminada com boa higiene bucal.

Vermelho: É a chamada língua morango, abordada anteriormente. Ela pode ser sinal de escarlatina ou doença de Kawasaki.

Marrom: É bem raro a língua adquirir essa cor, porém quando ocorre merece muita atenção, pois pode ser um sinal de melanoma – uma das formas mais mortais de câncer de pele.

Amarelo: Abuso do uso de nicotina, desidratação ou até quadros de febres mais longos causam esse tom na língua. Caso o tom de amarelo seja muito forte, quase laranja, é sinal de doença hepática.