Você sabia que o seu travesseiro pode ser o causador do frizz...

Você sabia que o seu travesseiro pode ser o causador do frizz no cabelo?

Compartilhar

O frizz é um dos maiores problemas da grande maioria das mulheres. A sua principal causa é a falta de hidratação ou excesso de uso de instrumentos de calor ou ainda do uso de químicas como descoloração e progressivas.

Os fios que foram fragilizados por algum desses procedimentos acabam ficando secos e propensos a desidratação. Por isso, eles acabam armazenagem energia estática, responsável pelo aspecto arrepiado do frizz. Por isso frizz é o resultado de falta de hidratação e de excesso de atrito dos fios, gerando essa estática.

Causa do frizz: travesseiro de algodao 

Se você sofre com frizz no cabelo, provavelmente você já tentou de tudo. Já testou várias hidratações diferentes, tratamentos com queratina ou receitinhas caseiras para melhorar o aspecto desses fios rebeldes. Entretanto, você sabia que o seu travesseiro pode ser o grande responsável pelo frizz?

Por mais que pareça uma bobagem se importar com o material de suas fronhas, esse detalhe, que na maioria das vezes passa despercebidos pelas mulheres, é diferencial para amenizar o frizz. O segredo é bastante simples: troque as suas fronhas por seda ou cetim

Isso acontece porque se elas forem feitas de algodão, o tecido é absorvente e, por isso, retira dos fios todo os produtos aplicados para tratamento e a sua oleosidade natural. O ideal é trocar a peça por modelos confeccionados em seda, tecido não absorvente.

Por que trocar as fronhas de algodão?

A fibra natural do algodão é uma das preferidas de quem procura roupa de cama. Isso porque o algodão é um tecido natural, respirável, com controle de temperatura natural, além de ser bastante resistente e macio ao toque.

Já para os seus cabelos, o algodão pode não ser a melhor escolha. Isso porque as fibras do algodão tornam o tecido bastante absorvente. Como resultado, o uso de fronhas de algodão acaba por retirar a oleosidade natural do cabelo e a umidade presente nos fios. Por isso prefira tecidos nobres como o cetim e a seda, que não retiram a umidade dos cabelos, mantendo a hidratação e evitando o frizz.

Adeus ao Bad Hair Day

O uso de fronhas de cetim e seda tem feito bastante sucesso principalmente pelas donas de cabelos cacheados e crespos. Isso porque esse tipo de cabelo, devido as suas ondulações mais marcadas, são naturalmente mais secos e menos propensos a oleosidade natural, fazendo com que o frizz seja mais marcado.

Outra vantagem da fronha de seda está na falta de atrito entre os cabelos e a fronha de tecido mais grosseiro. Desta forma, a quebra causada por esse atrito é reduzida, mantendo os cachos naturais do cabelo, evitando o temido bad hair day. A fronha pode ser substituída por uma touca de cetim ou seda para manter a umidade e a forma natural dos fios.